domingo, 16 de março de 2014

Vibrar mais alto até alcançar o céu


Dante passa ao redor de seres espirituais petrificados, presos no limbo astral (Divina Comédia)


--- Mulheres são todas iguais!    Inclusive esta que aí está, ingrata, que me abandonou depois de tudo o que fiz por ela. Eu a tirei da pobreza e da miséria, levei-a para o meu bordel aos doze anos de idade, dei-lhe conforto e educação. Quando eu fiquei velho ela foi se afastando, até provocar meu furor. Então, eu passei a agredi-la moralmente e até fisicamente, até que ela me abandonou de vez, fugindo com outro e deixando-me ao meu próprio auto exílio dentro de minha própria casa. Aos poucos fui me afundando mais e mais nos vícios do álcool e do tabaco, jogando sem parar nas mesas de poker, para ocupar-me e não sentir mais dor. Anestesiei-me até sofrer um derrame cerebral em plena mesa de jogo. Morri, mas, não me livrei da carga emocional neste inferno astral onde vivo, sentindo o abandono desta mulher especial, que eu tanto quis para mim, mas, sei que ela comigo não se importou, afinal, são todas iguais.

--- Nunca tive confiança na minha mulher. Para mim, não sou eu o pai das tres crianças que ela pariu. Sinto que ela sempre teve envolvimento com outros homens, até que, em ato de completo desespero eu a abandonei com as crianças pequenas e as deixei entregue à própria sorte. Sei que houve muito sofrimento, até o ponto do meu filho mais novo ter se revoltado contra mim. Passamos várias encarnações nos agredindo mutuamente. Já fui seu carcereiro e noutras ele me matou. Sempre tivemos vínculos de parentesco entre nós. No último ato desta guerra, ele foi meu avô paterno e expulsou meu pai e nossa família de suas terras. Eu tinha cinco anos de idade e chegamos a passar quase fome. Depois, ele morreu de câncer que se espalhou pelo corpo e, ao vê-lo morrer, eu não sabia se devia me alegrar ou entristecer. Na ingenuidade de meus vinte e cinco anos, eu ainda não tinha a compreensão de que a única cura para o ódio é o perdão. Agora, quando já sou um velho, sinto-me disposto a perdoá-lo e encerrar nossa disputa eterna, sair deste confronto para deixar de vibrar numa frequência tão baixa, e, se tiver a chance de refazer algum laço de amor, crescer na espiritualidade e poder enviar a ele bênçãos de luz, que lhe ajudem a recuperar seu corpo astral e preparar-se para outra chance de sair do círculo vicioso. Eu gostaria muito que isso acontecesse.

--- Eu não quero sair daqui. Aqui tenho tudo que preciso, mulheres, bebidas, orgias, sexo à vontade e na hora que eu quiser. Por que ficaria com uma mulher só, numa vida sem graça? Por isso não aceito os conselhos desse grupo que me quer levar para o que chamam de tratamento. Querem que eu me prepare para voltar a um corpo humano, mas, por que eu faria isso? Já tenho tantos corpos humanos encarnados, todos à minha disposição para saciar meus desejos. É muito fácil fazer com que eles me satisfaçam e, através deles, eu me alimento das energias que preciso. Eu é que sei viver bem, não preciso da compaixão de nenhum auxílio espiritual, aliás, não gosto desses que me oferecem auxílio. Eu sou muito mais sábio que eles e não preciso de nada.

Todos os depoimentos acima foram captados do mesmo espírito, em tres de suas diferentes encarnações. Isso foi feito dentro de um processo chamado Terapia de Vidas Passadas, utilizando a técnica de Captação Psíquica, onde se utiliza um componente mediúnico, com uma ou mais pessoas servindo de médius que se conectam ás personalidades vividas em outras ocasiões por este ente espiritual. 




Não são todas as correntes espiritualistas que praticam esse tipo de terapia, mas, agora, com a entrada da humanidade e da terra na Era de Aquárius, os caminhos de resgate dos karmas pessoais, familiares e interpessoais estão se acelerando. A Terra passará por um profundo processo de mudança, até ser definitivamente limpa das baixas vibrações. A espiritualidade superior, alinhada com os propósitos divinos vai acelerar as mudanças, causando impactos terríveis. A violência desmedida que observamos nos dias atuais nada mais é que a contra partida para o processo de recuperação que já se iniciou, segundo o qual dentro de no máximo sessenta anos a terra estará limpa das energias negativas de vibração inferior, conforme previsão de gente que se conecta com forças cósmicas encarregadas do processo de mudança, por delegação da força Divina que comanda o Universo. Depois de completado o processo de limpeza, não haverá mais neste Plano a ocorrência de crimes contra a vida humana, como estupros e assassinatos, não haverá mais a possibilidade de crimes contra o patrimônio comum ou individual, como assaltos e corrupção, entre outras maravilhas.

Terá chegada a almejada paz e os espíritos iluminados passarão a encarnarem-se aos milhões, trazendo seres de luz conhecidos como crianças de rubi ou de cristal, com a missão de resgatar a humanidade terráquea. Os que não obedecerem a esta lei inexorável da mudança, serão exilados para outras galáxias, para recomeçarem os ciclo de evolução em novas formas de vida, diferentes da forma humana que conhecemos. Será o equivalente aos que os cristão chamam de Juízo Final, após o que os condenados seriam mandados ao inferno e os salvos viverão na companhia do Pai Celestial, ou seja, num mundo de iluminados. Quanto às penas dos condenados, seu sofrimento será continuarem os ciclos de novas vidas encarnados, sujeitos a mesma norma divina que governa o universo desde sempre, a lei de causa e efeito. 

O processo de mudança está baseado no amor e no perdão. Dois mil anos de cristianismo, o que se conhece como Era de Peixes, que ora se encerra, não foi suficiente para queimar o karma do mundo. Uma parte da humanidade obteve tal avanço que chegou a se livrar do ciclo de encarnações, algo que se se pressupõe tenha sido o caso de muitos santos, não só cristãos, mas espíritos de todas as tendências e raças, como parece ser o caso do grande líder indiano Maratma Gandhi. Agora, na Era de Aquários, a queima deste karma será acelerada, embora por algum tempo ainda a Terra vá conviver com as sombras herdadas de eras passadas, como guerras, doenças, miséria e escravidão. 

O resgate desses karmas vai ser feito com novas ferramentas tecnológicas de natureza espiritual, como essas que hoje estão sendo amplamente divulgadas. Até bem pouco tempo, as doutrinas espiritualistas tinham como dogma a não interferência nas vidas passadas de um ente espiritual, mas, agora esta interferência se mostra necessária para acelerar o crescimento e a integração deste espírito, de forma que possibilite sua evolução para o ponto de iluminação. Por que estão sendo disponibilizadas estas novas técnicas? Para permitir que as várias Personalidades resultantes de várias encarnações de um mesmo ser, deixem de se infernizarem e disputarem espaço entre si. 

Então, é necessário tratar cada uma dessas Personalidades que ficaram presas na estrutura de Ego do ser anímico, conhecido como Alma, de modo a integrar todas as sub personalidades de forma harmônica em sua estrutura psíquica. Algumas das técnicas de psico transformação mais atuais, como Psicanálise, Psicodrama, Gestalt, Análise Transacional, etc, não foram suficientes para uma mudança rápida e integral. Já existem técnicas mais modernas, baseadas na hipnoterapia de regressão. Já outras estão baseadas em conceitos ainda mais revolucionários, como a Apometria Quântica, onde se destaca a corporificação transitória das Personalidades em conflito, através do método mediúnico com a ajuda de um terapeuta de vidas passadas. Este processo atua em linha direta com as causas das desarmonias e dos karmas acumulados. 

Com intervenções assim, tem sido verificadas curas milagrosas, onde a Personalidade dominante atual impõe-se regras de conduta que levam a novos paradigmas vibracionais, que por sua vez também impõem limites às anomalias das sub personalidades antigas, estacionadas no umbral do tempo e ainda resistentes. Estas, uma vez integradas à Personalidade dominante, possibilitam  completar-se o ciclo de transformações, abrindo caminho para a evolução do ser encarnado, condição necessária para o progresso e o resgate da Alma, ou seja, para a salvação do ser espiritual eterno.    

Como interagem as Personalidades múltiplas para deteriorar a qualidade de vida da Personalidade atual? Influenciando através de seus vícios, traumas, culpas, medos, crenças, conceitos, automatismos e conveniências egóicas. E qual a chave para a mudança? Cabe à Personalidade dominante atual preparar-se para a batalha, através do auto conhecimento e de um  plano de vôo, ou seja, uma vez conhecidas as sub personalidades e suas características negativas, a única forma de dissolvê-las é com NOVAS ATITUDES.

Ah, mas, isso é muito difícil ...  E quem disse que seria fácil alcançar o céu ? 








2 comentários:

  1. Que longa caminhada cada um de nós percorre compreendendo tão pouco de tudo o que somos como “centelhas do Criador”. E quanto aprisionamento vivemos, em sentimentos tão pouco claros, muitos com os quais até receamos nos identificar em momentos de desarmonia. Admití-los já é um grande passo. Compreender que dentro de cada ser humano habita o melhor e o pior, sombra e luz, sem deixar por menos. E que somente podemos ter efetivamente algum “livre” arbítrio se conseguirmos vencer a oscilação do pêndulo em sua bipolaridade e ficarmos acima dele. Seu texto é um acréscimo em tempos da Era Aquariana, a Era de Regeneração. Que muitos tenham a oportunidade e o privilegio de ir tão fundo em si mesmos. Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Interessante essa nossa tragetória... caminhos... escolhas...
    Excelente texto.

    ResponderExcluir